Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Amor, Sexo e Erotismo

Amor, Sexo e Erotismo

Aqui e agora

31.10.21 | Inês

 

Inês, bom dia! 

Bom dia, Pedro.

O que vais fazer logo?

Trabalhar Pedro. Tu não?

Eu... tinha/tenho outros planos para logo. E nesses planos tu estás incluida. Quero estar contigo. 

Inês..

Sim?

Janta comigo. Anda, vamos os dois. 

Não posso Pedro. 

Não queres?

E avança em direção a mim. Já muito próximo da minha boca, mordisca os lábios e olha-me nos olhos, depois para os lábios e repete pergunta.

Não queres?

Pedro!

Inês, que saudades que eu tenho de ti. Quero-te. Aqui. Agora. Em todos os lugares miuda. Eu acordo a pensar em ti. Deito-me a pensar em ti. Tu deixas-me louco! 

 

 

 

Come si fa

29.10.21 | Inês

Resto fermo tra le onde

Mentre penso a te

Fuoco rosso luce e rondine

Tra le foglie soffia

Un vento molto debole

Nel frattempo un fiore

Sta per nascere

 

Eccoci qua

A guardare le nuvole

Su un tappeto di fragole

Come si fa

A spiegarti se mi agito

E mi rendo ridicolo

 

Tu parlami e stringimi

Oppure fingi di amarmi

 

 

 

 

...

22.10.21 | Inês

Tu és o nó de sangue que me sufoca.

Dormes na minha insónia como o aroma entre os tendões da madeira fria.

És uma faca cravada na minha vida secreta. E como estrelas duplas consanguíneas, luzimos de um para o outro nas trevas.

Herberto Helder 

Quero-te bem

22.10.21 | Inês

E vou querer sempre! Esteja eu onde estiver. Mesmo que a minha vida neste plano seja curta. 

Mesmo que sinta o sabor doce e salgado nos lábios enquanto penso nisso. Quero-te bem.

Mesmo sabendo a verdade e desta vez aceitando-a como real. 

Que bom que eu não sonhei apenas. Que bom que aceitei, serena, esta minha forma de ser e sentir. Que bom...e que paz! Finalmente! 

Eu não recebi só impulsos. Eu não..

Sabes, eu não preciso fazer nada para que a verdade me chegue. Por vezes ela vem de mansinho. Outras vezes de forma violenta. Mas eu quero-te bem. 

Tanto tempo e não parece nada... sabes quando tempo já passou? E tanta coisa aconteceu e eu estive sempre contigo. Sempre. Mesmo sabendo coisas que ... Olha que sempre soube. Essa é que é a grande verdade. 

Não importa. Tu não sabes o que és para mim. Não sabes e nunca te direi. Nunca serei capaz de escrever palavras bonitas capazes de descrever o que sinto por ti. 

Sou a mulher ainda menina que muito ri e faz rir também. Mas que de vez em quando chora e faz chorar também.

Ainda assim prefiro rir e ver os outros sorrir. Sempre. 

Talvez gostasses de ler. Talvez. Ou talvez não. Que diferença faz? Quero-te bem. 

Um beijo de boa noite 💋

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pág. 1/3