Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Amor, Sexo e Erotismo

Amor, Sexo e Erotismo

Um devaneio da mente

25.09.22 | Inês

 

Sentado no sofá, num ambiente de penumbra ouves atentamente o crepitar da lenha. Dou passos silenciosos pelo caminho que tão bem conheço e que gosto de trilhar. A porta range até que bate com força. Tu permaneces sentado, silencioso mas impaciente. A música cresce, aumenta de volume, é sombria e bela. Eu, cabelo liso e solto, lingerie dourada com correntes finas de pequenos cristais, deixando adivinhar a volúpia do meu corpo, sento-me no teu colo, de frente para ti, saboreio o pedaço de chocolate negro que te roubo da boca, uma explosão de sabores, o morango e a malagueta acionam uma resposta rápida. Agarras-me o rosto, aproximas-te e beijas-me. As linguas quentes, escorregadias, dançam e aconhegam-se num crescer de saliva que sentimos na boca. 

O cérebro grita intimidade

um mergulho na arte da dúvida

fuga ineficiente das frustrações

penetração das camadas mais profundas

por vezes escorregadia 

exaurida

uma liberdade plena

 

5 comentários

Comentar post